30 March 2009

Saudades


E o tempo,
vento de carregar,
leva ao longe minhas tempestades.
Ficam sombras,
poeiras de sonhos,
saudades.
Saramar

Imagem: Daeni Pino

8 comments:

Sueli said...

"Saudade" de você, Saramar! Também havia escrito sobre saudade neste fim de semana. Mas... a sua saudade é bem mais bonita ...rs. Beijo grande!

IVANCEZAR said...

--------------------------------------------------------------------------------
Poeiras - sombras ...
Belas metáforas, como sempre
Um estilo muito próprio
Parabéns
Ivan Cezar ·

Bosco Sobreira said...

Quanto tempo longe de minha poeta favorita! Volto e encontro um belo poema sobre um tema que me atrai sobremaneira.
Bom estar novamente aqui, alimentar-me aqui.
Feliz Páscoa, querida Poeta.
Beijos

BANDEIRAS said...

Saramar, td bem ?

Saudade...palavra que não tem rima...
Pq será ?

Bjs

Dario said...

Olá, estava passeando pela net e encontrei seu blog, muito bonito por sinal, parabéns, aproveitei para incluir na minha lista de blogs, dê uma passadinha lá no meu ta bom?
Abraço!

Tina said...

Saramar,

Assim ESTÁ minha vida...

beijos e obrigada por verbalizar sentimentos.

Todo carinho meu.

Asas Negras said...

Das nuvens eu posso cuidar, mas não há como lutar contra um eclipse

Humberto Firmo said...

Sara, isso é lembrar.
e o tempo cicatriza as tempestades.
sinta o vennnnnto...