07 November 2007

MUDEZ


Prendo as palavras,

em vão.

dos meus olhos,

precipita-se o verso.
Saramar

Imagem: Bernardo Cau

6 comments:

Tina said...

Oi Saramar:

Perfeita combinação: versos x foto.

Você se supera a cada dia. Gosto disso.

beijos querida e bom fim de semana,

Anonymous said...

É,
As palavras em nossas mãos,
presas,
Soltam loucas esperanças, em versos.
bjs.
Nomadez

Cris Moreno said...

Não quero ver você assim.

Beijos.

Bosco Sobreira said...

Não há como Poetas prenderem as palavras, o Belo há de buscar outros caminhos.
Que belo poema, minha querida poeta!

alessandra said...

Tradução do ser-poema. Belo demais e profundo. Mil beijos!
Adorando conhecer teu universo!

Remo Saraiva said...

Muito bonito isso aqui!!
Parabéns!!
Voltarei mais vezes, se me permitir!!

Bjs
REMO.